Você sabe o que é marketing inclusivo? Descubra agora!

Você sabe o que é marketing inclusivo? Descubra agora!

A maioria das empresas já compreendeu a importância de pensar de forma inclusiva utilizando o marketing. Por isso, cada dia mais o marketing de inclusão ganha espaço em estratégias que visam abraçar o público, independentemente de arquétipos e estereótipos.

A utilização de estratégias inclusivas é fundamental não só para atender melhor diferentes necessidades e clientes, mas também traz diversas vantagens para quem as aplica da forma correta. Por esse motivo, é muito importante estar por dentro de tudo sobre o marketing inclusivo na prática e saber diferenciá-lo de outros métodos.

Pensando nisso, preparamos este post para ajudá-lo a compreender melhor o que é marketing inclusivo e como funciona na prática. Acompanhe!

O que é marketing inclusivo?

O marketing inclusivo é uma modalidade do marketing focada em criar conteúdos, anúncios e estratégias voltadas para indivíduos independentemente de seu gênero, etnia, situação socioeconômica, orientação sexual, idade, entre outros fatores.

Ainda que seja fundamental criar personas e delimitar públicos-alvo para os quais as estratégias de marketing serão direcionadas, muitas vezes eles levam em conta estereótipos e arquétipos que não são inclusivos, gerando maus resultados e uma percepção de marca negativa por parte dos consumidores. É justamente em busca de impedir essas limitações que esse tipo de marketing atua.

Como aplicar o marketing inclusivo na prática?

Alguns passos podem facilitar a aplicação do marketing inclusivo no dia a dia de uma empresa. O primeiro deles é diferenciar inclusão de diversidade — especialmente levando em conta que o segundo termo tem sido considerado, atualmente, vazio.

Muitas organizações se apropriaram dele como forma de cumprir cotas e metas, transmitindo a sensação de oportunismo. O que a inclusão solicita, na verdade, são discursos, ações e soluções realmente voltada para todos públicos. Para fazê-lo, alguns fatores devem ser levados em consideração.

Fatores envolvidos na estratégia

Para começar a construir estratégias inclusivas, três passos simples podem viabilizar que as ideias fluam de forma mais simples e por diferentes pontos de vista:

  • a formulação de um grupo de trabalho diverso;
  • deixar arquétipos e estereótipos de lado;
  • livrar-se do marketing oportunista.

Ao empregar pessoas diferentes umas das outras, estimula-se o contato com diferentes necessidades e visões de mundo. Unindo isso ao descarte de rótulos e moldes na hora de construir personas, dispensando estratégias oportunistas e realmente promovendo soluções para seu público, será muito mais viável garantir a inclusão.

Vale a pena investir no marketing inclusivo?

Os benefícios que o marketing de inclusão podem trazer para uma empresa são vastos e atingem tanto sua imagem quanto seus consumidores. Veja a seguir alguns deles!

Maior visibilidade para a marca

Em função de sua amplitude, as estratégias de marketing inclusivo atingem mais pessoas e, consequentemente, trazem uma maior visibilidade para a marca. Isso, por sua vez, gera uma maior representatividade e contribui para um mercado inovador e heterogêneo.

Clientes satisfeitos

É inegável que ampliar o acesso a bons produtos e soluções faz com que clientes fiquem mais satisfeitos. Para além disso, eles também se sentem respeitados e valorizados, o que cria uma sensação de pertencimento em relação à marca e, consequentemente, otimiza seus resultados.

Parcerias

O marketing inclusivo atrai parcerias para a empresa e, com isso, novas oportunidades. Contudo, para garantir as vantagens citadas, não basta seguir os passos acima. É preciso investir na manutenção de um posicionamento progressista e igualitário por parte da marca, comprometendo-se com os novos clientes que surgirão.

Qual a diferença entre marketing de inclusão e marketing de nicho?

Finalmente, para entender por completo o significado desta modalidade de marketing, é interessante diferenciá-la do marketing de nicho. Afinal, algumas pessoas ainda confundem os dois conceitos. Enquanto o marketing de nicho visa alcançar uma fatia específica da população, o de inclusão visa ampliar o seu leque. Não é possível atuar de forma inclusiva focando em apenas um padrão de consumidor.

Entendeu melhor agora o que é marketing inclusivo? Sabendo que é importante compreender o que o consumidor realmente busca para oferecer a ele soluções abrangentes, aproveite para conferir estratégias de neuromarketing e aplicá-las em suas novas estratégias representativas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *