Produção de conteúdo: saiba o que produzir em cada etapa do funil

Produção de conteúdo: saiba o que produzir em cada etapa do funil

O sucesso de uma empresa passa muito pela relevância que ela tem dentro do mercado de atuação e, mais importante, entre os consumidores. No mundo online, investir na produção de conteúdo relevante é a melhor forma de fortalecer a sua marca.

Com uma estratégia de marketing digital, é possível melhorar os resultados da sua empresa com a produção de conteúdo. Por exemplo, ao separar os seus clientes em três estágios diferentes de uma jornada de compra, você garante uma maior eficiência do seu planejamento.

Quer saber mais? Continue a leitura e descubra quais são os principais benefícios de investir em produção de conteúdo e como deve ser feita a divisão entre as três etapas do funil de vendas.

A importância da produção de conteúdo

Como já falamos, esse é um investimento que torna a sua marca mais relevante. Além disso, você consegue alimentar os interesses dos usuários para atraí-los para o seu negócio de maneira eficiente. Ou seja, com chances reais de transformá-los em clientes.

Quando a pessoa tem acesso a um conteúdo de qualidade, ela aprende mais sobre determinado tema e há maiores chances de identificar se necessita daquele determinado produto ou serviço. Em outras palavras, a probabilidade de conversão é muito maior para o seu negócio.

As três etapas do funil de vendas

Agora que você já sabe quais são os benefícios de investir tempo e recursos na produção de conteúdo para a sua empresa, separamos as três etapas do funil de vendas e as ações que melhor se encaixam em cada uma. Confira!

Topo do funil

O objetivo nessa etapa é atrair o usuário para perto da sua marca e mostrar a ele a importância de determinado assunto. A intenção é que, aos poucos, ele entenda que tem um problema e que precisa solucioná-lo.

Com posts em redes sociais, infográficos e, principalmente, artigos publicados no blog da empresa, você vai apresentar situações para instigar o interesse do usuário por aquele assunto que está sendo abordado.

Meio do funil

Na chamada fase de consideração, o usuário já sabe da existência de determinado problema. Nesse momento, ele descobre uma necessidade e começa a procurar potenciais soluções para aquilo que o atrapalha.

É a hora de conseguir mais informações sobre ele. Em troca, você vai oferecer conteúdos mais aprofundados do que os do estágio anterior, como e-books, webinars e whitepapers. De quebra, ainda há a oportunidade de conhecer mais sobre quem pode se tornar seu cliente em breve.

Fundo do funil

O fundo do funil, obviamente, é a última etapa dessa jornada. É o momento em que o lead está avaliando, de fato, a compra do produto ou serviço capaz de resolver aquele problema que foi apresentado lá no início.

Ao apresentar cases de sucesso, por exemplo, você mostra como a sua empresa já ajudou outros clientes e está disposta a fazer o mesmo por ele. Também é interessante investir em páginas dedicadas ao produto e em vídeos para demonstrar como usá-lo.

Você viu que a produção de conteúdo é excelente para aumentar a relevância da sua marca. Quando essa estratégia é trabalhada de maneira correta, o negócio obtém resultados expressivos. Para tanto, uma medida essencial é acompanhar constantemente as ações para sempre entregar os melhores materiais aos usuários.

O que achou deste artigo? Deixe o seu comentário com uma dúvida, elogio, crítica ou sugestão logo abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *